Trampa Sinfônica – 01/11/2011 – Teatro Nacional

Depois de passarem por Recife, Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro o projeto Trampa Sinfônica finaliza sua turnê em Brasília. Com uma mistura de rock e música erudita a banda brasiliense Trampa se junta a Orquestra Sinfônica de Brasília em uma homenagem ao inesquecivel Maestro Silvio Barbato.

Sensacional!!!! Vamos demais!!!

Trampa Sinfônica
Data: 01/11/2011 (terça-feira)
Horário: 20h
Local: Teatro Nacional – Sala Villa Lobos
ENTRADA FRANCA

Maria Caritó – 03 a 05/06/2011 – Teatro Nacional

Lilia Cabral…particularmente adorooo!!! Ela estará em Brasília este final de semana com a comédia teatral Maria do Caritó. Com ela estarão Leopoldo Pacheco, Dani Barros, Fernando Neves e Silvia Poggetti.

A peça foi vencedora do Prêmio Arte Qualidade Brasil 2010 e sucesso de público em todas as cidades que passou.

Maria Caritó
Dia: 03 a 05/06/11
Horário: Sexta e sábado: 21h e Domingo: 20h
Local: Teatro Nacional – Sala Villa Lobos
Ingressos:
Sexta: R$ 35,00 (meia)
Sábado e Domingo: R$ 40,00 (meia)
Obs: Ingressos a venda somente na bilheteria do teatro.

Sindrome de Clown – 28 e 29/10 – Sala Martins Penna

Com no mínimo cores e alegria seremos presenteados neste espetáculo do grupo brasiliense Mirabolantes. Estou falando da peça Sindrome de Clown – Porque de Clown e louco todo mundo tem um pouco!

A peça será gratuita, é só retirar os convites no teatro a partir do dia 27/10.

Vamos dar uma força para os artistas da cidade!! Vale a pena!

Sindrome de Clown
Dia: 28 e 29/10
Horário: 21:00
Local: Sala Martins Penna – Teatro Nacional
Entrada Gratuita ( retirar os convites na bilheteria a partir de 27/10 )

Informações: 61 85757741

 

 

45o Festival de Brasília do Cinema Brasileiro – 17 a 21/09/2012 – Cine Brasília

Sempre muito bom quando começa o 43o Festival de Cinema aqui na cidade. Pois é meus queridos jumps, já começou. Portanto vamos aproveitar!

Nesta edição Carlos Reichenbach é o homenageado. Durante o festival, o público poderá estabelecer contato com cineastas, técnicos e realizadores nos debates pós-sessão.  Além do mais, seminários, oficinas, palestras e lançamentos de livros, filmes e DVDs estarão à disposição do interessados.

O melhor mesmo é o ponto de encontro que fazem no Cine Brasília.  Uma ótima praça de alimentação ideal para todas as idades. Adorooooo aquela estrutura que eles fazem!!!

O festival está espalhado por toda cidade: Cine Brasília, Teatro Nacional, CCBB, Pier 21 e Museu Vivo da Memória Candanga.

Acompanhem a programação no site do festival: www.festbrasilia.com.br

Então, nos vemos por lá????

43o Festival de Brasília do Cinema Brasileiro
Local: Cine Brasília, CCBB, Pier 21, Museu Vivo da Memória Candanga.
Data: 23 a 30/11
Ingressos: R$ 6,00 (meia)

Voca People – 19 a 23/05/10 – Teatro Nacional

Voca People é um grupo israelense de performance teatral que agrupa sons produzidos com a boca e “beat-box” (imitação do som de bateria, guitarra, baixo, trombone e outros instrumentos musicais).

O grupo é composto por 8 amigos (3 mulheres que imitam os melhores sons femininos – contralto, mezzo e soprano / 3 homens – baixo, barítono e tenor) aliens do Planeta Voca criado por eles como um planeta musical que não tem comunicação verbal e que utiliza somente expressões vocais. Integram também o grupo, dois artistas de beat-box. Eles conseguem imitar uma orquestra inteira sem usar instrumentos musicais. O repertório vai da música clássica ao pop, passando por vários sucessos, de diversos estilos musicais, das últimas décadas.

Em abril de 2009, o primeiro vídeo do grupo foi colocado no site YouTube, alcançado até agora 5 milhões de acessos e ajudou a lançar a carreira internacional do grupo.

Voca People
Local: Sala Villa-Lobos – Teatro Nacional
Data: Quarta a sábado, às 21h. Domingo, às 18h e 20h
Ingressos: R$ 70 (meia)
Tel: 3325-6240

Comédia 7 Contos – 06 e 07/02/10 – Teatro Nacional

O ator Luís Miranda (Terça Insana) traz a Brasília uma comédia chamada “7 contos” com direção de Ingrid Guimarães. Esse espetáculo aponta de maneira crítica, porém humorada, as diferenças do Brasil através de sete personagens (Queixada, Caroline, Dona Edite, Mc Dollar, Sheila, Detona e Dona Arminda – um flanelinha bebum e filósofo do cotidiano, uma moradora de favela que apresenta um programa televisivo sobre economia, política e culinária, uma senhora com dificuldades de se adaptar ao mundo moderno dos caixas eletrônicos e internet, um apresentador de tevê sensacionalista, um rapper rico que só usa grifes, uma criança negra que não se identifica com os personagens de Walt Disney e uma socialite deslumbrada – respectivamente) e todos criados por ele mesmo.

Vale a pena, galerinha! Ele é ótimo!

Comédia 7 Contos
Local: Sala Martins Penna – Teatro Nacional
Data: 06 e 07/02/10
Horários: 21:00 (sábado) e 20:00 (domingo)
Ingressos: R$ 35 (meia)
Tel: (61) 8403-4800/8414-2100

Maria Bethânia – 17 e 18/12/09 – Teatro Nacional

Uma amiga minha, Sylvinha, ia ficar louca quando soubesse do show da Maria Bethânia aqui em Brasília. Mas como ela agora está fazendo mestrado no sul, vai ter que ficar só na vontade. Rs.
O nome da mulher é inspirado em uma valsa que foi grande sucesso na segunda metade da década de 40, na voz de Nelson Gonçalves. Então não poderia iniciar a vida em maior estilo que esse. Aos 14 anos mudou-se pra Salvador (e Bahia pra galera que mora no interior) já com o sangue contaminado por cultura e ansiosa por ter alguma oportunidade de interpretar. Sua primeira apresentação (1963 – com quase 17 anos de idade) em público foi na montagem da peça Boca de Ouro de Nelson Rodrigues, onde ela cantou a música “Na Cadência do Samba de Ataulfo Alves”. Nem o Golpe Militar de 64 foi capaz de calar essa voz que no Show Opinião no Rio de Janeiro, substituiu ninguém menos que Nara Leão. Depois desse dia, Maria Bethânia fincou raízes na música popular brasileira e no ano de 2009 ela passa aqui em Brasília pra encerrar sua turnê do show “Amor, Festa, Devoção“. 
Já diz Bethânia: “Como cada dia eu quero cantar uma coisa, prefiro não me ligar à nada e a ninguém, para poder cantar o que o meu coração mandar”.

Isso que é ser solteira e acreditar que compromisso não é requisito pra felicidade. Também, né?! Rs. Só a Sylvinha mesmo.

Maria Bethânia
Local: Sala Villa-Lobos – Teatro Nacional
Data: 17 e 18/12/09
Horário: 21h
Ingresso: R$ 150 (meia)
Tel: (61) 3325-6240